terça-feira, 5 de dezembro de 2017

Servidores que atuarão na biometria receberam treinamento do TRE

Servidores do Poder Executivo e Legislativo no treinamento
O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) realizou ontem (04) o treinamento direcionado aos servidores do município de Ouro Branco, designados pela Prefeitura e Câmara de vereadores que atenderão os eleitores no recadastramento biométrico. Os servidores foram preparados para a utilização dos equipamentos da revisão biométrica: o Scanner de digitais, a máquina fotográfica e o coletor de assinatura digital.
A partir de hoje, terça-feira (5) às 8h00, os servidores:
Lusiania Sousa de Lucena Silva, Helder da Silva Coutinho, Gilene Medeiros, Silmara da Nobrega Oliveira Farias, Chirle Araujo Nóbrega da Costa (prefeitura) e Joselene Siqueira e Betânia Sousa (Câmara) vão exercer suas funções junto à Justiça eleitoral (23ª Zona) de 5 a 18 de dezembro.
ASCOM/BLOG PRIORADO NEWS

sexta-feira, 1 de dezembro de 2017

Ouro-branquense é promovido a Subtenente do Exército Brasileiro



Subtenente Gione Medeiros, Maria da Conceição (esposa) Giovana (filha)  
O Ouro-branquense Gione da Silva Medeiros, Sargento do Tiro de Guerra (Leme-SP - TG 02.074) - Unidade militar que representa o Exercito Brasileiro no município de Leme foi promovido ao posto de Subtenente do Exercito Brasileiro. 

Subtenente Gione, esposa,filha e amigos 
Gione da Sillva Medeiros, natural de Ouro Branco-RN, residiu em Natal-RN até o ano de 2016, cumprindo missão no 7º BE Cmb, quando foi selecionado pelo Exército Brasileiro para outra unidade: Tiros de Guerra de Leme-SP. 
Nesta data, a família tomou conhecimento de referida promoção, ou seja, Gione da Silva Medeiros passa a Subtenente do Exército Brasileiro. 

Sargento Gione Medeiros, em Missão no Haiti
Gione da Silva Medeiros formou-se no ano de 1994, em Três Corações – MG, de onde foi transferido para outros lugares do país, chegando a compor o contingente brasileiro na Missão de Estabilização das Nações Unidas no Haiti (MINUSTAH), em 2012, conforme designação do Ministro da Defesa, no dia 13/03/2012, devidamente publicado no Diário Oficial da União, na missão de 

Outro Ouro-branquense, Jussiê de Souza Dantas, também merece nossos aplausos,  tendo em vista tornar-se o novo instrutor do Tiro de Guerra, nomeado para o biênio 2017/2018. O 1º Sargento de Engenharia Jussiê de Souza Dantas, formado na Escola de Sargento das Armas no ano de 1998, também é natural de Ouro Branco-RN, anteriormente servindo ao Exército no 8º Batalhão de Engenharia de Construção, sediado em Santarém-PA, ao ser nomeado para o cargo de Instrutor do Tiro de Guerra de Rio Claro-SP. 

O administrador deste Blog parabeniza e cumprimenta Gione da Silva Medeiros pela promoção, sabendo, ainda, que chefiará a Instrução do Tiro de Guerra de Leme-SP, manifestação esta extensiva a Jussiê de Souza Dantas, nomeado para o cargo de Instrutor do Tiro de Guerra de Rio Claro-SP.

Parabéns, Gione e Jussiê pela "honrosa missão de formar reservistas e de constituir-se importante elo entre o Exército e os vários municípios brasileiros", na prestação de relevantes serviços! 

Genildo Medeiros
 Fonte: Samara Paula da Nóbrega Medeiros/INFORMEX NR 013  

sábado, 25 de novembro de 2017

NA ONDA DA LAVA JATO, POLICIAIS FEDERAIS PLANEJAM SE CANDIDATAR EM 18 ESTADOS

A fotografia do ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha (PMDB-RJ) caminhando com o semblante preocupado em direção ao avião que o levaria para Curitiba, em 19 de outubro de 2016, pode ser o registro em imagem da morte da sua carreira política.
Graças a uma decisão do juiz federal Sergio Moro, o ex-deputado trocaria naquele momento os gabinetes de Brasília por uma cela de cadeia do Paraná.
Um passo atrás aparece no retrato o agente da Polícia Federal Lucas Valença. A pinta de galã despertou curiosidade.
O coque amarrado no topo da cabeça, no estilo samurai, e a barba cerrada renderam os apelidos de Lenhador da Federal e Hipster da Federal –estrangeirismo inglês que define a pessoa que inventa moda. A cena no aeroporto da capital pode ser a certidão de nascimento da sua carreira política. O hipster pensa em ser deputado.
Assim como Valença, cerca de 30 agentes e delegados da PF pretendem se aventurar nas eleições de 2018.
A Fenapef (Federação Nacional dos Policiais Federais), que representa todas as carreiras da PF, já contabilizou 24 pré-candidatos ligados à instituição em 18 Estados. A Folha encontrou outros que não estão na lista da federação.
Curiosamente é o Paraná, berço da Lava Jato, o Estado que vai ter o maior número de concorrentes policiais federais. Até agora cinco delegados e agentes já manifestaram a intenção de concorrer. Se depender da federação, a lista ainda vai aumentar.
Os sindicalistas tentam convencer Newton Ishii, que ficou célebre como o “Japonês da Federal”, a competir por uma vaga na Câmara. Como Ishii foi condenado em última instância por facilitação ao contrabando, a entidade consultou dois escritórios especializados em legislação eleitoral para saber se ele seria enquadrado na Lei da Ficha Limpa.
Segundo os advogados, até o início da campanha ele já terá cumprido toda a pena e estaria livre para tentar carreira em Brasília. O agente, no entanto, resiste à ideia.
Sem o Japonês da Federal na disputa, nenhum outro candidato terá trabalhado diretamente na Lava Jato. Isso não quer dizer que a operação não vá ser tema de campanha.
O delegado e deputado federal Fernando Francischini (SD-PR), pretende concorrer ao Senado. O mote de sua propaganda? “A minha defesa da PF e da Lava Jato no mandato é meu maior patrimônio”, diz Francischini.
O eleitor de 2018 terá passado quatro anos assistindo aos policiais da Lava Jato prendendo magnatas por corrupção. O efeito é duplo: fomenta o descrédito na classe política e turbina a reputação da polícia. Equação perfeita para os candidatos da PF.
“As operações de combate à corrupção, principalmente a Lava Jato, deram visibilidade e prestígio para a Polícia Federal. É uma vantagem para um concorrente se associar a uma das instituições com maior credibilidade no país no momento”, diz o cientista político Marco Antônio Carvalho Teixeira, professor da FGV-SP (Fundação Getúlio Vargas).
Pesquisa do Ibope apontou que entre 20 entidades, a PF foi apontada como a terceira mais confiável, atrás apenas da igreja e dos bombeiros.
Cientes disso, candidatos buscam explicitar a ligação com o órgão. Boa parte usará o cargo antes do nome. Nas urnas haverá Delegado Francischini, Delegado Gastão e Delegado Federal Mikalovski.
BANCADA DA BALA
O sucesso das candidaturas de policiais deve significar o aumento da bancada da bala no Congresso. A maior parte deles comunga da ideia de que é preciso facilitar o acesso do cidadão às armas de fogo.
Um expoente desse pensamento é o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSC-SP), filho do pré-candidato à Presidência Jair Bolsonaro, que repete a exaustão que “bandido só respeita o cidadão armado”. A proposta de reduzir maioridade penal também anima a maioria dos policiais.
Apesar da afinidade com essas pautas, não há um partido que concentre esses candidatos. O leque das legendas escolhidas pelos policiais é amplo e inclui siglas atingidas em cheio pela Lava Jato.
O agente André Salineiro elegeu-se vereador de Campo Grande (MS) e agora cogita tentar vaga na Assembleia. Nas redes sociais posa heroico, de braços cruzados, vestindo a camisa preta da PF. Na vida política, porém, a camisa que veste é a do PSDB, ainda presidido pelo mineiro Aécio Neves, conhecido alvo dos policiais da Lava Jato.
Fonte: FENAPEF (FOLHA DE SAO PAULO)

segunda-feira, 7 de agosto de 2017

EDITAL DO CONCURSO PÚBLICO DA CÂMARA DE VEREADORES DE OURO BRANCO-RN É PUBLICADO!

Câmara de Vereadores de Ouro Branco-RN (Foto: Lenilson Azevedo)
Após meses de preparação, o Edital do Concurso Público para provimento de vagas efetivas na Câmara Municipal de Vereadores de Ouro Branco-RN foi divulgado na tarde dessa segunda-feira (07).
O certame é organizado pela Comissão Permanente de Concurso (CPCON), da Universidade do Estado da Paraíba, e consta das seguintes vagas: Auxiliar de serviços Gerais / Diversos (Nível Médio), Advogado (Nível Superior em Direito com Registro no Conselho de Classe Específico) e Contador (Nível Superior em Ciências Contábeis + Registro no Conselho de Classe Específico.

Inscrições

As inscrições ficam abertas por meio da internet a partir das 10h do dia 14 de agosto até as 23h:59min do dia 03 de setembro de 2017 (horário local).

Último concurso foi realizado há 24 anos

O último concurso público para preenchimento de vagas para o Legislativo ouro-branquense acontecera no ano de 1993. De lá para cá, era comum os gestores alegarem “falta de condições” para realizarem o certame.


Genildo Medeiros (PDT)
O atual presidente da Casa, vereador Genildo Medeiros (PDT), afirmou que a realização do Concurso Público só foi possível a partir da boa vontade de faze-lo, austeridade com os recursos públicos e dedicação da equipe, formada pela Assessoria Jurídica, Controladoria, Contabilidade, Equipe de Fiscalização, Equipe de Licitação, etc; com eficiência e zelo pela boa gestão. A presidente da Comissão, Rossana Paloma, fez agradecimento especial à Equipe de Fiscalização do Concurso, pelo modo como conduziu seu trabalho.
Para Genildo Medeiros, “Pregamos que o mundo se modifica pela educação, e não podemos deixar de buscar o Concurso Público para conseguir a eficiência do serviço público, pois é lá que estão as pessoas mais qualificadas, valorizando assim a educação, o ensino aprendizagem (…) Seguimos, para tanto, toda a regularidade pertinente, e fazendo o concurso propiciaremos a oxigenação do serviço público, que oferecerá à população o melhor”.

Importante salientar que a partir da contratação da empresa, todos os passos restantes do concurso, tais como edital, e demais atos, ficam a cargo da empresa CPCON, sendo devidamente fiscalizado pelo TCE, e demais órgãos de controle externo, inclusive, pela comissão interna de fiscalização do concurso.

No início do ano, o Tribunal de Contas do Estado do Rio Grande do Norte, chegou a parabenizar gestões do Legislativo que optaram pela realização dos concursos públicos, citando tais como exemplo. Fazemos coro a tal posicionamento e não temos dúvidas de que a qualificação daqueles que assumirem, após o devido processo do Concurso Público, trarão mais eficiência aos serviços prestados à comunidade.

CLIQUE AQUI E BAIXE O EDITAL DA CÂMARA


CLIQUE AQUI E BAIXE O EDITAL DA PREFEITURA


FONTE: Blog Lenilson Azevedo



domingo, 14 de maio de 2017

PDT REGIONAL MANTÉM O VEREADOR GENILDO MEDEIROS À FRENTE DO PARTIDO, EM OURO BRANCO-RN

e
Genildo Medeiros na Convenção Regional do PDT, em Natal. 
O Tribunal Regional Eleitoral acaba de publicar, em sua página eletrônica, a nova Comissão Provisória do PDT – Partido Democrático Trabalhista, em Ouro Branco-RN, a qual terá vigência até 04 de agosto do corrente ano.  
Segundo o Vereador Genildo da Silva Medeiros, atual Presidente da Câmara de Vereadores, a Comissão deverá se reunir para marcar a data das convenções municipais, quando serão eleitos os novos membros do partido e o novo Presidente do Diretório Municipal. 

Genildo Medeiros também faz parte da composição do PDT, no estado.   

Veja composição da Comissão Provisória: 

Presidente: Genildo da Silva Medeiros
1º Vice-presidente: Francisco de Assis Nóbrega
2º Vice-presidente: Maria Marlene de Medeiros
Tesoureira: Gércia de Araújo Costa